Como preparar a casa para automação (PARTE 3)

Esta é a terceira e última parte da série de dicas para você preparar a casa para automação.

Se você não leu as partes anteriores, comece por aqui.

Chegou a hora de falar sobre as cenas, o App e as assistentes digitais.

Vamos lá?

CENAS

Cenas são conjuntos de ações acionadas por um gatilho, que pode ser um dispositivo como um botão na parede, um horário programado, um sensor ou até mesmo a localização por GPS.

Um erro muito comum que você deve evitar é fazer cenas complexas.

Na prática, isso não funciona.

As pessoas (inclusive você mesmo) precisam ter facilidade de usar a automação, e lembrar que ao apertar um botão, algumas coisas acontecem, mas nada que seja muito complexo.

A simplicidade é o segredo para a adoção da tecnologia por toda a família.

Com isso em mente, veja algumas cenas interessantes:

  • Desligar tudo
  • Iniciar Jantar
  • Asssistir Cinema
  • Hora de Dormir
  • Bom dia

Um exemplo de uma cena simples e útil é desligar o abajur da sala às 10h, indicando que está na hora de dormir.

Parece muito simples? Mas experimente na sua casa…

Outro exemplo é ao dar Bom dia para a Alexa. Ela pode falar a previsão do tempo, subir a cortina e tocar a sua playlist favorita.

Você pode criar cenas de conforto, segurança e economia. O segredo é iniciar pelas cenas acima e depois adicionar mais algumas se achar necessário.

APP

O controle pelo App é fundamental, principalmente quando você está fora de casa. As interfaces são simples e intuitivas, separadas por dispositivos, ambientes e cenas.

Se você usa a plataforma Tuya, a recomendação é criar uma Casa e adicionar todos os usuários da família.

Ensine-os a usar o App, ative as notificações, principalmente se houver cenas de segurança, e mantenha o App sempre atualizado.

Se você tem um tablet, é interessante usar o App Tuya para Tablet e deixar na sala. É como ter um controle remoto da casa inteira a sua disposição.

ASSISTENTES DIGITAIS

A Alexa, o Google Assistente e a Siri têm nomes que você deve evitar nas suas cenas ou dispositivos, porque são nomes nativos. Por exemplo LUZ, CORTINA e TV são nomes genéricos que você não deve usar sozinhos.

Seja específico como LUZ PRINCIPAL, CORTINA ENTRADA ou TV QUARTO.

As assistentes digitais podem executar as cenas que você criou através das rotinas. Crie uma rotina com o comando “estou saindo” e execute a cena “desligar tudo”, por exemplo.

Novamente, procure nomes simples e fáceis de lembrar. Quanto mais fácil a automação for de usar, mais agradável ela fica.

PRÓXIMO PASSO

Tudo isso só funciona se você tiver um bom sistema Wi-Fi, os módulos, os sensores, as caixas de embutir, os amplificadores e tudo mais instalado e configurado corretamente.

Para aprender a projetar, instalar e vender um sistema completo de automação, áudio e vídeo, participe do Workshop Casa Inteligente e em seguida entre no treinamento Integrador de Impacto.

Acesse: https://www.queroautomacao.com.br/evento

Um abraço e até a próxima!