7 novas tecnologias para casas que você precisa conhecer

A automação residencial é uma tendência, e inovações surgem a todo tempo. Por conta disso, as pessoas podem ficar confusas com relação às tecnologias disponíveis e não saber em quais realmente vale a pena investir.

Assim, antes mesmo de começar a pensar em adotar uma solução desse tipo, o ideal é esclarecer as diferenças entre as ferramentas e conhecer as principais vantagens delas. É o que faremos neste artigo.

Portanto, se você deseja aprofundar seu conhecimento e se preparar para conhecer melhor as novas tecnologias para casas, acompanhe atentamente todos os tópicos deste post.

Quais são as vantagens da automação residencial?

Se você busca conforto, segurança e redução das despesas, a automação residencial é uma ótima maneira de conseguir tudo isso. Afinal, certos equipamentos oferecem ao usuário o poder de integrar e controlar todos os aspectos da casa pelo smartphone, no local ou remotamente. O objetivo é facilitar as operações do dia a dia.

Muitas atividades do cotidiano são tão comuns que nem percebemos quanto esforço e tempo elas exigem. Contudo, quando resolvemos agilizar essas tarefas, notamos que sobra bastante tempo para outras atividades mais importantes, como estudar, trabalhar ou passar tempo de qualidade com a família. Ou seja, essa solução proporciona eficiência, produtividade e bem-estar ao mesmo tempo.

Segurança

Uma das vantagens mais comuns é a segurança. Diante da necessidade crescente de reforçar a proteção de suas famílias, muitas pessoas vão atrás de sistemas integrados que ofereçam detecção de presença, alarmes e monitoramento constante. O interessante é que as possibilidades são inúmeras e dependem da necessidade e da vontade dos moradores.

Melhoria nas atividades

A tecnologia em casa também serve para auxiliar ativamente as famílias com insights precisos que otimizam as atividades do dia a dia. Cozinhar, assistir televisão e limpar a casa, por exemplo, se tornam tarefas inteligentes e mais rápidas com a ajuda dos softwares.

Sustentabilidade

Também vale ressaltar a sustentabilidade e o cuidado com o meio ambiente, questões que podem ser reforçadas com o uso da automação residencial. Afinal, a tecnologia em casa contribui para gerar eficiência no uso de recursos naturais, evitando o desperdício e o impacto ao meio ambiente. Desse modo, as pessoas ganham com qualidade de vida e o planeta também agradece.

Entretenimento

Da mesma forma, dá para melhorar o entretenimento com a aplicação de tecnologias para otimizar a performance dos sistemas de vídeo e áudio. O objetivo é oferecer maior conforto e aprimorar a experiência de descanso e relaxamento.

Quais são as novas tecnologias para casas?

Diante do que já falamos, fica a dúvida: quais são as inovações disponíveis? Como escolher em meio a tantas? Nos próximos tópicos, apresentaremos um pequeno guia com algumas ferramentas novas que podem ajudar você a entender como cada uma é aplicada, quais são suas diferenças e como beneficiam a rotina dos usuários.

1. Geladeira conectada

Com dicas de receitas, informações sobre os alimentos, inventários e até mesmo fotos do que está disponível, a geladeira inteligente é uma ótima opção para otimizar uma das tarefas mais cotidianas de todas: cozinhar.

Com esse gerenciamento, fica mais fácil comprar o necessário e evitar desperdício de dinheiro e alimentos. Além disso, é possível ser criativo e desenvolver novas ideias para cardápios interessantes.

Esse é um exemplo de equipamento de automação que auxilia ativamente o usuário, fornecendo dados e insights importantes que de outra forma não seriam obtidos facilmente.

2. Robô aspirador

Os robôs aspiradores se comportam como verdadeiros companheiros das pessoas em tarefas domésticas. Eles vêm com um design compacto e conseguem limpar poeira e outras sujeiras, com sensores inteligentes que identificam áreas mais sujas, orientam o movimento e impedem colisão. Além disso, é possível definir rotas de limpeza e programar o serviço em momentos específicos.

3. Ar-condicionado conectado

Outra opção são os equipamentos de ar-condicionado conectados por Wi-Fi. Permite o controle via celular, de qualquer lugar, o que facilita a redução de despesas e a preparação do ambiente quando o usuário ainda não está em casa, por exemplo.

As configurações não se limitam a ligar ou desligar: também abrangem temporizador, direção do vento etc. Também é possível monitorar o ambiente e acionar automaticamente o aparelho.

4. Torneira inteligente

As torneiras inteligentes são úteis para economizar um recurso natural muito importante e escasso: a água. Com o auxílio do sistema, é possível diminuir o consumo ao desligar o equipamento quando não houver pessoas utilizando e reduzir a utilização em prol da eficiência.

Ainda permite monitorar e visualizar a quantidade de água consumida, além de mesclar diferentes temperaturas conforme o clima e a sensação térmica, o que significa mais conforto.

Essa ferramenta é muito importante na questão da sustentabilidade. Uma vez que os recursos são poupados, há menor impacto para o planeta e as pessoas se sentem satisfeitas de estarem fazendo sua parte no cuidado com o meio ambiente.

5. Fechaduras controladas pelo celular

Dentro do quesito segurança, temos uma solução interessante: as fechaduras controladas pelo celular. Isso já é uma realidade em automóveis, o que representa um avanço incrível na proteção. Nas residências, essa tecnologia previne o problema de esquecer de trancar a casa, fornecendo um controle remoto que facilita acompanhar a situação.

6. Irrigação automática

Para casas com jardim, outra opção interessante é o uso de irrigação automática. Esses sensores percebem quando o jardim precisa de água e o próprio software aplica o recurso automaticamente, tudo isso sem a necessidade de intervenção humana.

7. Assistente virtual

O assistente virtual já é bem popular hoje, mas é uma tendência que vai continuar relevante no futuro. Tecnologias como o Google Home e a Alexa, da Amazon, ajudam a lidar com os afazeres do dia a dia de forma prática e eficiente. Com comandos de voz, as pessoas conseguem acionar esses sistemas para executar atividades específicas, como tocar uma música ou pesquisar um assunto na internet.

O interessante é que esses sistemas são capazes de aprender e melhorar, desenvolvendo mais inteligência com o passar do tempo. Desse modo, dá para treinar o software com as principais requisições e obter um assistente útil e eficiente para qualquer atividade.

Novamente, o foco é oferecer conforto para os usuários ao simplificar ainda mais tarefas que já são comuns. Dispensando a necessidade de digitação, por exemplo, é possível economizar segundos e concentrar a atenção em outras tarefas de maior importância.

Uma novidade interessante foi o lançamento do Google Nest Mini no Brasil, no dia 11 de novembro. Trata-se de uma caixa de som inteligente que controla outros dispositivos. Ela apresenta uma assistente virtual da Google e permite ouvir notícias, músicas e até mesmo ver séries na TV, a partir da integração com o ChromeCast.

Nessa versão, novos recursos como um novo alto-falante com melhor grave e um novo microfone foram incorporados.

As novas tecnologias para casas representam um mercado que está muito forte, mas ainda em expansão, ou seja, tem muito a apresentar nos próximos anos e décadas. Nesse sentido, é fundamental se manter sempre atualizado com relação ao que está surgindo, além de compreender as particularidades e os reais benefícios de cada ferramenta nova.

Gostou dessas novidades e quer fazer parte da evolução da automação residencial? Visite o portal da Quero Automação e encontre um profissional de confiança próximo à você para realizar o seu projeto.